sábado, 27 de agosto de 2016

Bahia inicia ação para comprovar ausência da Peste Suína Clássica no estado

A Agência Estadual de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), vinculada à Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Pesca e Aquicultura do Estado (Seagri), inicia inquérito soroepidemiológico para a Peste Suína Clássica (PSC) em 320 criatórios de suínos de subsistência distribuídos por todo o estado. Está prevista a colheita de 1,2 mil amostras em 15 coordenadorias da Agência, abrangendo 139 municípios, para demonstrar ausência de circulação viral. A Bahia já possui o reconhecimento nacional, desde 2001, e o internacional foi concedido este ano pela Organização Mundial de Sanidade Animal (OIE).

 O Inquérito Soroepidemiológico para PSC, determinado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), é realizado a cada dois anos, apenas em criatórios de suínos de subsistência, popularmente conhecidos como suínos de fundo de quintal, pois estão mais expostos ao vírus, caso haja circulação no estado. As amostras serão encaminhadas ao Laboratório Nacional Agropecuário do Ministério da Agricultura (Lanagro) para análise.

 Extinta há mais de vinte anos na Bahia, a PSC é uma doença que gera embargos econômicos e restrições comerciais a exportação de carne do Brasil. “Por isso é necessário manter a vigilância constante para que possamos continuar com status de estado livre com reconhecimento internacional, e desta maneira atrair novos investidores, aumentar a produção e, consequentemente, a Bahia vir a exportar carne suína. Vamos continuar intensificando as atividades de vigilância ativa e passiva nas áreas com maior vulnerabilidade, com ações de monitoramento sorológico”, diz o diretor-geral da Adab, Marco Vargas.

 Segundo o coordenador do Programa de Sanidade de Suídeos, Sérgio Vidigal, a Bahia possui cadastrado um plantel de 620 mil cabeças de suínos, dos quais 30 mil são matrizes, e detém 1.328 granjas comerciais espalhadas em todo o estado. 

 A PSC

 A Peste Suína Clássica é uma doença viral que acomete os rebanhos suídeos (porcos, javalis, javaporco, catetos, etc.), transmitida através de secreções, excreções, sêmen e sangue, e também por contato direto entre os animais. A doença é fatal, principalmente em animais jovens, e afeta suínos de todas as faixas etárias. Entre os sintomas estão febre alta, fraqueza, vômito, perda de apetite, manchas vermelhas e aborto.

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Diário Oficial publica circular do BC que define novas garantias de crédito

O Diário Oficial da União publicou hoje (26) circular do Banco Central (BC) com novas regras que podem ajudar na recuperação do crédito no país. A partir de 2017, os bancos poderão aceitar novas aplicações financeiras para reduzir o risco de empréstimos. Com menor risco, os bancos poderão oferecer juros menores no futuro.

 Atualmente, os bancos podem aceitar títulos, ações, avais fianças e derivativos de crédito para reduzir o risco das operações. Com a circular, também poderão ser aceitos certificados de operações estruturadas, Letras de Crédito Imobiliário (LCI), Letras de Crédito do Agronegócio (LCA) e títulos de crédito de instituição não financeira.

 Com essa medida, o risco para o banco diminui e o BC exigirá menos reserva de capital da instituição financeira para fazer a operação de crédito.

 Ontem, o BC informou que o saldo de todas as operações de crédito concedido pelos bancos caiu 0,4%, em julho e 3,2% no ano. No mês passado, o saldo ficou em R$ 3,115 trilhões. Com a queda ao longo deste ano, o chefe do Departamento Econômico do BC, Tulio Maciel, disse que a projeção de crescimento do crédito de 1%, em 2016 deve ser revisada para baixo.

Agência  Brasil 

Anvisa proíbe divulgação de produto à base de Mutamba que promete cura da aids

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu, hoje (26), a divulgação de produto feito à base da planta Mutamba, com a promessa falsa de cura da Aids/HIV. A decisão foi publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União. 

O produto tem sido divulgado na internet, mas, segundo a Anvisa, a medida é preventiva, porque não foram encontrados indícios da comercialização do Mutamba contra aids, como é chamado.

 A Anvisa destacou que o produto não tem registro na agência e é, portanto, um produto clandestino, de origem e composição desconhecida.

 “O produto feito à base da planta Mutamba, não tem registro na agência, nem apresenta ensaios clínicos que comprovem suas características medicinais. Os produtos irregulares, isto é, que estejam fora das exigências da agência não oferecem garantia de eficácia, segurança e qualidade que são necessárias para saber se funcionam e são seguros”, acrescentou a Anvisa.

 A Anvisa alertou ainda que produtos e medicamentos irregulares ou falsificados podem não fazer efeito, prejudicar tratamentos médicos ou, em casos mais graves, comprometer a saúde do cidadão.

 A agência orienta que antes de comprar ou divulgar itens de origem suspeita ou não registrados, os cidadãos podem entrar em contato com a Anvisa por meio do canal (0800-642-9782).

Agência  Brasil 

Festival de Violeiros do Nordeste

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Estudantes desenvolvem sistema para desligamento automático de lâmpadas e ventiladores

Estudantes desenvolvem sistema para desligamento automático de lâmpadas e ventiladores

Três estudantes do curso técnico em Informática do Centro Territorial de Educação Profissional da Bacia do Rio Corrente (Cetep), localizado em Santa Maria da Vitória, no oeste da Bahia, desenvolveram um sistema para programar o desligamento de lâmpadas e ventiladores. O projeto Sistema de Interrupção para Lâmpadas e Ventiladores foi selecionado para participar da Feira Nordestina de Ciência e Tecnologia (Fenecit), que acontece entre os dias 27 de setembro e 1º de outubro, em Recife.

 De acordo com o professor de Informática, Thiago Santos Souza, a ideia do projeto partiu dos próprios estudantes, ao refletirem sobre os gastos de energia elétrica com lâmpadas e ventiladores ligados nos momentos em que as salas de aula estão desocupadas, a exemplo dos intervalos de funcionamento entre cada turno. “A partir dos métodos aplicados nas disciplinas do curso, eles buscaram uma solução inovadora através da construção de um protótipo e que será compartilhado com outros estudantes durante a Fenecit”, explica o educador.

 Lucas Gean Rocha, 16 anos, está animado para apresentar o projeto que ajudou a desenvolver juntamente com os colegas Enzo Matos e José Carlos da Silva. “O protótipo do sistema foi instalado em uma maquete e conta com um temporizador, onde programamos as horas e minutos que as lâmpadas e ventiladores ficam ligados”, afirma o estudante.

 José Carlos, 16, também está se preparando para participar da feira. “É uma oportunidade muito interessante, porque vamos mostrar nosso trabalho em outro estado e que vai nos ajudar a pensar em novas ideias”, comenta.

 A Fenecit visa despertar nos estudantes o interesse pela produção e saber científico, através da construção de projetos de pesquisas desenvolvidos no cotidiano escolar. A edição deste ano será realizada no Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau), em Recife.

Corpo de Bombeiros da Bahia completa um ano de emancipação


Há exatamente um ano, o Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) adquiriu autonomia administrativa, orçamentária e financeira. Os 365 dias seguintes foram marcados pelo lema ‘10 anos em 1’ e por conquistas que tornam o dia 25 de agosto motivo de orgulho para os oficiais e praças da corporação.

 Reformas, novo fardamento, subgrupamento no interior, ampliação do efetivo, centro de treinamento, academia e uma série de mudanças melhoraram o atendimento à população baiana, tanto no combate a incêndios, quanto no atendimento de ocorrências em rodovias e no trabalho de prevenção de acidentes.

 Para o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Francisco Telles Barbosa, o dia 25 de agosto é motivo de comemoração. “Não podemos nos queixar de quando éramos integrados à Polícia Militar, que hoje é referência para nós, como unidade ‘mãe’. Mas, com a independência, nós tivemos como nos concentrar para crescer de forma mais vigorosa e melhorar ainda mais o serviço prestado à comunidade”.

 O coronel acrescenta que a emancipação serve de incentivo para a tropa. “Isso nos traz muita alegria. Mais motivado, quem está na ponta do serviço trabalha ainda melhor. Hoje comemoramos e aproveitamos para agradecer também aos nossos soldados pelo empenho e pela dedicação no trabalho diário”.

 Legislação e investimentos 

 Para o coronel Telles, outra conquista neste um ano de corporação emancipada foi a regulamentação da Lei de Segurança e Pânico, que concedeu o poder administrativo de polícia aos bombeiros e a possibilidade de ampliar o nível de proteção de instalações físicas.

 A lei aumentou a responsabilidade e reforçou o caráter preventivo do Corpo de Bombeiros, que tem vistoriado edificações e prevenido incêndios em todo o estado. Para fortalecer esse serviço, a corporação recebeu um investimento de R$ 7,4 milhões na compra de mais de sete mil itens, como 50 veículos, 141 computadores e cerca de 6,5 mil materiais utilizados no combate a incêndios.

 Expansão no interior 

 O trabalho da corporação não se restringe à capital e região metropolitana. Em junho deste ano, um subgrupamento do Corpo de Bombeiros foi inaugurado na cidade de Cachoeira, no Recôncavo Baiano, com efetivo, viaturas e veículo especializado no salvamento e combate a incêndio.

 Os militares da unidade também estão aptos e prontos para realizar operações de busca e salvamento e atendimento pré-hospitalar em caso de acidente. O subgrupamento possui ainda uma Sessão de Atividades Técnicas, voltada à prevenção e à conscientização da comunidade local quanto aos riscos de acidentes.

 Também no interior, durante o período de incêndios florestais, o Corpo de Bombeiros não atuou como em anos anteriores. Com a emancipação, o comando-geral foi instalado na região da Chapada Diamantina e o combate foi mais intenso.

Redes de abastecimento de água em Candeal e Ichu serão ampliadas

Secretário de Infraestrutura Hídrica, Cássio Peixoto, assina a autorização para início das obras e extensão de redes de distribuição de água e ligações domiciliares, no município de Ichu

Só quem vive nas cidades do semiárido sabe como é difícil a convivência com a escassez da água. Esta realidade se torna ainda mais difícil quando se vive distante das sedes. Para melhorar a qualidade de vida dos baianos que vivem na zona rural dos municípios de Candeal e Ichu, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento (SIHS), irá reforçar os sistemas de abastecimento de água nas duas cidades, além da extensão de redes para atender a sete povoados – Macaco, Quatro Estradas e Chapada, que pertencem a Candeal; e Canavial, Alto Alegre, Massapé e Consolo, em Ichu.

 Representando o governador Rui Costa, o titular da SIHS, Cássio Peixoto, esteve nos dois municípios, na manhã desta quinta-feira (25), para autorizar o início das obras. Na oportunidade, o secretário informou que o processo licitatório será realizado ainda neste mês de agosto e que o prazo de execução da obra é de um ano. "É uma obra importante para o semiárido baiano. A extensão das redes vai beneficiar mais de mil habitantes da zona rural, nas duas cidades. Um investimento da ordem de R$ 3,4 milhões, com recursos do Fundo de Combate à Pobreza, que levará água para quem mais precisa", destacou. As intervenções integram o conjunto de iniciativas do programa Água para Todos, coordenado pela SIHS, e serão executadas pela Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa).

 Além de pequenos produtores rurais, muitos estudantes dos povoados que serão beneficiados prestigiaram os eventos de autorização das obras, realizados nos dois municípios. Moradora do povoado de Macaco, Carla Fiais esteve entre as centenas de alunos da rede estadual de ensino, que estudam em Candeal e que acompanharam o evento. De acordo com ela, o anúncio da chegada da água já mexeu com a autoestima da população. "Nós buscamos água nos tanques. É muito difícil. A água lá está acabando. Depois da inauguração dessa rede de abastecimento vai ficar mais fácil para gente", ressaltou.

 A dona de casa, Maria Izabel Ferreira, 61 anos, mora na sede de Candeal, mas sabe o quanto a água é importante para quem vive no semiárido. "A gente tem que lavar roupa, lavar prato. Água é vida. Precisamos muito da água", afirmou. Nascido no distrito de Canavial, em Ichu, o pedreiro aposentado Antônio Carneiro, 58, tem muitos parentes e amigos na localidade. Por esta razão, visita o povoado com frequência. Ele lembra dos tempos difíceis em que precisou carregar baldes de água para o consumo da família e afirma que muita gente saiu de Canavial por conta da falta d'água. "Lá é um lugar alto. Então, a água é difícil. Os açudes não duram muito tempo. Com o sol, a água desaparece de repente. Eles estão esperando com muita alegria [a chegada da água encanada]. Vai mudar muito a vida deles”.

Polícia Militar devolve documentos perdidos nos Jogos Olímpicos

Os documentos encontrados pela Polícia Militar da Bahia no período dos Jogos Olímpicos em Salvador já estão disponíveis na Ouvidoria da PM, que fica no Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) do Shopping Barra. Quem perdeu o documento nas proximidades da Arena Fonte Nova pode acessar o site da Polícia Militar, clicar no link ‘documentos perdidos’ e verificar se foi localizado. A Ouvidoria da PM no SAC Barra funciona das 8h às 17h, horário de retirada dos documentos encontrados.

Escola Jonathas Telles promove 7ª edição do Fórum de Adolescentes


O diálogo na adolescência é essencial para o desenvolvimento dos indivíduos. Focada nisto, a Escola Municipal Comendador Jonathas Telles de Carvalho, localizada no bairro Conceição II, promove a sétima edição do Fórum de Adolescentes. O evento foi aberto na tarde desta quarta-feira, 24, e segue até sexta-feira, 26. Estudantes, pais, responsáveis e professores participam do Fórum.


Este ano, o Fórum aborda o tema “Meu Lugar no Mundo”; o objetivo é ampliar o conhecimento a respeito do ser humano, desenvolver a autoanálise e o protagonismo juvenil com os alunos do Ensino Fundamental II. Na programação, profissionais de diversas áreas, como psicologia, nutrição, enfermagem e pedagogia, dão palestras e orientações aos adolescentes.

 Durante o evento, os alunos vão apresentar os resultados das 14 oficinas temáticas desenvolvidas durante o ano na escola. Temas como: “Minha cor, minha alma”; “Sou jovem, sou gente”; “Jovens: unidos pelas diferenças”; e “Meu sonho, minhas metas”, foram abordados nas oficinas. 

 “Trazemos temas novos em todas as edições, focando nas questões comportamentais. É perceptível a mudança de postura deles nos anos que realizamos os fóruns, eles melhoraram muito”, avalia a diretora da escola, a professora Neumam Ribeiro de Brito.

 O fórum também oferece atendimento para aferir pressão, testes de glicemia e orientação nutricional. "Assim cuidamos não só do aspecto pedagógico, mas também da saúde dos nossos alunos”, relata Neuman.

 A abertura foi direcionada principalmente aos pais e responsáveis. A psicóloga Nadilsara Almeida Marques discutiu o tema “Através do diálogo, encontro meu lugar no mundo dos meus filhos”, momento que visou proporcionar reflexão.

 “É preciso pensar no que significa ser pai e mãe de um adolescente, avaliando a estrutura familiar e observando muito o comportamento deles. Antes de se culpar e pensar onde errou, esse adulto deve ter consciência de que existem diversas possibilidades e caminhos”, explica Naldisara. 

 Analice Santos Alves Sampaio, mãe de um dos alunos, aprova a iniciativa da escola. “Converso muito sobre educação com meu filho em casa. Nós, pais e mães, precisamos estar na escola, saber como andam as coisas, aprender também. O diálogo é muito importante”, garante.

 O fórum já foi premiado duas vezes com o Selo Escola Solidária, iniciativa desenvolvida em parceria pelo Ministério da Educação, Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed), União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e o Fundo das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura (Unesco).

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

Hospital da Mulher realiza Semana de Psicologia

O Hospital Inacia Pinto dos Santos (Hospital da Mulher) vai promover nesta quinta-feira, 25, a Semana de Psicologia com o tema: "Interfaces da Psicologia e as Vulnerabilidades Sociais em Contexto de Saúde".

 O evento será realizado no auditório do Complexo Materno Infantil do Hospital da Mulher, das 14h às 17h. As palestrantes serão Joelma Oliveira, doutoranda em Psicologia pela UFBA; e Tilda Oliveira, coordenadora do Centro Pop. A abertura do evento fica por conta da psicóloga Áquila Thalita. O evento é direcionado a funcionários da unidade.

Projeto do Detran-BA vai oferecer atendimento a vitimas de acidentes e familiares

Projetos baianos para o trânsito despertam interesse de outros estados

Em reunião técnica da Associação Nacional dos Departamentos de Trânsito (AND), realizada nesta quarta-feira (24), em Ipojuca (PE), o Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) surpreendeu os participantes ao informar que já licitou o projeto ‘Pró-Vítimas’, que vai oferecer atendimento psicológico, social e jurídico às pessoas que sofreram acidentes e familiares. Durante o encontro foi apresentada a proposta de obrigatoriedade da implantação de um projeto de apoio às vítimas de acidentes de trânsito em todos os órgãos.

 A iniciativa da Bahia deverá servir de modelo para outros estados. "[...] Saímos na frente em criar esse suporte para quem ainda sofre as consequências de um acidente. Estamos abertos para compartilhar informações com os Detrans, que já se mostraram interessados. Em setembro, tornaremos público o projeto", disse o diretor-geral do Detran-BA, Lúcio Gomes.

 Outra experiência baiana levantada nos debates e que poderá ter seguidores no País é o benefício da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) gratuita para pessoas de baixa renda, por meio do curso de direção da Escola Pública de Trânsito (Eptran). “É gratificante ver o reconhecimento do trabalho da nossa escola que, de 2015 até o final deste ano, terá formado mais de três mil condutores. O novo desafio da Eptran é o projeto 'Trânsito Cidadão', nas escolas públicas", ressaltou o diretor do Detran. A reunião técnica antecedeu o 54° Encontro Nacional dos Detrans, que vai ser aberto, nesta quinta (25), com a presença do ministro das Cidades, Bruno Araújo.

Novo complexo eólico vai gerar 1,2 mil empregos no norte baiano

Governador Rui Costa assina o Protocolo de Intenções para implantação de Complexo Eólico com o Grupo Engie Tractebel

A construção de um complexo eólico em Umburanas e Sento Sé, no norte da Bahia, vai gerar 1,2 mil empregos diretos na fase de implementação. O governador Rui Costa e o presidente da Engie Brasil Energia, Eduardo Sattamini, assinaram o protocolo para o início das obras nesta quarta-feira (24), na Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. Com um investimento de R$ 1,7 bilhão, as obras do Complexo Campo Largo começam em setembro.

 De acordo com Rui, os investimentos em energia eólica transformam o semiárido baiano. “Um exemplo é a cidade de Caetité, que se transformou com a energia eólica. Os hotéis duplicaram de tamanho, surgiram novas pousadas, restaurantes e lojas; a cidade mudou o perfil. A região norte também vai passar por essa transformação positiva. Nós já temos em Jacobina uma fábrica de torres. E a nossa combinação é que todo o serviço contratado, inclusive de construção civil, seja da Bahia, desde que dentro de uma relação de preço compatível com o mercado”.

 O governador lembra ainda que a Bahia tem potencial para produção de energia alternativa a partir de diversas fontes. “A Bahia, além de ser de todos os santos, é também de todos os ventos. Temos também investimentos na energia solar, que dá os primeiros passos, e é outro vetor importante de desenvolvimento do semiárido. Estamos trabalhando ainda no litoral, com outra possibilidade, que são as termelétricas. A Bahia, portanto, tem o petróleo, o vento, o sol e o gás. Nós queremos explorar isso para gerar emprego e renda”.

 Segundo Sattamini, o complexo começa a funcionar em junho de 2018. “Houve a venda desse complexo no mercado regular, para as distribuidoras, e o nosso compromisso é que, a partir de primeiro de janeiro de 2019, a gente tenha os contratos remunerando essa energia. A maior parte da mão de obra começa a ser treinada já desde agora”, explica o presidente da Engie Brasil Energia.

 Na primeira das três fases do projeto, serão 326 megawats de capacidade instalada, com 121 aerogeradores. Atualmente, a Bahia é o segundo maior estado brasileiro em produção de energia eólica, com 68 usinas em operação. O Governo do Estado trabalha para assumir a liderança nacional desse setor até 2020. “O apoio do Estado é fundamental para que a gente tenha tranquilidade para empreender, consiga as licenças necessárias e o diálogo com as comunidades”, acrescenta Sattamini.

 O presidente da Engie Brasil Energia destaca ainda as características geográficas favoráveis da Bahia. “O potencial eólico e solar da Bahia é muito grande e há alguns anos nós pesquisamos áreas para empreender. Hoje nós temos uma área grande no Complexo Campo Largo, onde estamos começando a fase número um”.

IPVA com desconto de 5% para veículos de placa final 9 só até esta sexta-feira

Os contribuintes que possuem veículos com placas de final 9 têm até esta sexta-feira (26) para quitar o Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) com 5% de desconto, em cota única. O alerta é da Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz), que dá ainda a opção de pagar o IPVA em três parcelas. Para aderir ao parcelamento, o pagamento da primeira cota deve ser feito na mesma data do vencimento do abatimento (até 26). As demais parcelas vencem dias 27 de setembro e 31 de outubro. Outra possibilidade é quitar o valor integral do tributo, sem desconto, até 31 de outubro.

Em agosto, ocorre ainda o vencimento de cotas mensais para quem optou, nos meses anteriores, pelo parcelamento do IPVA. A segunda parcela vence nos dias 26 e 30, para as placas de final 7 e 8, respectivamente. No dia 31, vence a última parcela para as placas de final 6. Caso o proprietário de veículo com placa de final 6 não tenha feito o parcelamento, deverá efetuar até este dia o pagamento integral, em cota única, sem desconto.

 As datas de quitação das demais cotas e placas podem ser conferidas no calendário do IPVA 2016, disponível no site da Sefaz, no link => Inspetoria Eletrônica => IPVA => Calendário. Para efetuar o pagamento, o contribuinte deve comparecer a uma agência ou caixa eletrônico do Banco do Brasil, Bradesco ou Bancoob, com o número do Renavam em mãos.

 O pagamento é integrado, sendo necessário quitar ainda a taxa de licenciamento e eventuais multas relacionadas ao Renavam informado. A Sefaz ressalta ainda que não encaminha para os contribuintes boleto de pagamento do IPVA. Em caso de dúvida, o contribuinte deve entrar em contato com o call center, pelo 0800 071 0071.

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Colégio estadual e Uefs promovem semana de leitura em Feira de Santana

Colégio Estadual e UEFS promovem semana de leitura em Feira de Santana

A Semana de Leitura e Escrita, do Colégio Estadual Juiz Jorge Faria Góes, em Feira de Santana, que está em sua nona edição, se consolida no calendário da escola como uma ação das mais esperadas por estudantes, professores, gestores, funcionários e pais de alunos. Até a próxima sexta-feira (26), a comunidade escolar está mobilizada em torno das atividades literárias, que contam com a participação dos professores do colégio e a parceria de docentes e alunos da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs). O evento teve início com o IV Recital Poético, que deu a tônica à Semana de Leitura e Escrita, cujo tema, este ano, é o gênero poesia.

 Com o objetivo de incentivar a leitura e a escrita dos estudantes da 5ª série ao 3º ano do Ensino Médio, a IX Semana de Leitura e Escrita do Colégio Estadual Juiz Jorge Faria Góes tem contribuído para que os estudantes escrevam e leiam com proficiência, a partir de oficinas de teorização sobre poesia e produção de textos. Durante o evento, os estudantes são estimulados a trabalhar projetos voltados à literatura contemporânea, à literatura de cordel, à poesia concreta, ao conto e à dissertação, entre outros conteúdos literários.

 Mateus Cardoso, de 15 anos, estudante da 8ª série, revela que foi a partir deste evento que passou a gostar de ler. “Confesso que não me interessava muito por Português, muito menos pela poesia. Com esta iniciativa, desenvolvi o gosto pela leitura e, hoje, sou um leitor assíduo, além de ter aprendido a enxergar a literatura com uma perspectiva mais abrangente e atrativa. Também não compreendia o conteúdo das poesias e, agora, já leio os versos com outro olhar. Portanto, a Semana de Leitura e Escrita tem sido uma importante troca de informações e um aprendizado para todos nós”.

 Beatriz Almeida, de 17 anos, do 2º ano, considera que a Semana de Leitura e Escrita da escola é um dos eventos mais importantes do ano letivo. “É uma oportunidade de adquirir conhecimentos e uma experiência ímpar de estar em contato com a literatura, sempre com a ajuda de nossos professores e os da Uefs, que nos trazem não só o legado literário contemporâneo, mas também o da antiguidade. Outro ponto importante é a valorização da literatura brasileira, que é um conteúdo muito cobrado para quem vai prestar as provas do Enem”.

 “Graças à parceria com a Uefs, através da professora doutora Nadja Maciel e suas alunas do curso de Letras, os nossos alunos mergulharam no contexto proposto pelo projeto e, hoje, percebemos que eles utilizam a Língua Portuguesa com mais proficiência. É um evento que eles amam e esperam com entusiasmo”, comemora a diretora Flávia Araújo.

 A professora Nadja Maciel, da Uefs, explica que, este ano, foi resgatado o Sarau de Poesia, em sua quarta edição, apresentado na última sexta-feira, com a presença dos pais dos alunos. “Estamos fazendo um tributo ao poeta feirense Jorge Farias Góes, que dá nome a este colégio e foi um expoente da poesia. Durante a semana de atividades, trabalhamos as múltiplas faces da linguagem poética, mostrando que a poesia não é um mero deleite, mas também um gênero textual de valor literário e funcional”, ressalta, destacando, ainda, “a importância da universidade sair de seus muros e vivenciar o chão da escola básica, contribuindo para que os estudantes sejam leitores e escritores competentes nas múltiplas áreas do conhecimento”.

Coppa doa 800 quilos de alimentos a instituições filantrópicas

A Companhia de Polícia de Proteção Ambiental (Coppa) da Polícia Militar doará nesta quarta-feira (24), às 10h30, na sede da própria unidade, em Pituaçu, 400 quilos de alimentos não perecíveis ao Núcleo de Atendimento à Criança com Câncer (Nacci).

 A iniciativa é resultado de uma mobilização dos policiais militares integrantes da Coppa junto a amigos e parceiros da Polícia Militar com o objetivo de ajudar instituições filantrópicas que precisam de apoio.

 Os outros 400 quilos de alimentos serão doados às Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) na próxima semana. A sede da Coppa fica na Avenida Pinto de Aguiar, s/n°, Sítio Pombal, Pituaçu.